Este site utiliza cookies, com o objetivo de melhorar a sua utilização. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.
Aceito
Saiba mais

Calzedonia pelo ambiente

Do Oeiras Parque

Galeria ({{imgCount}})
Vídeo
ver mais

A marca de legwear e beachwear, sediada em Verona, implementou várias medidas em toda a sua cadeia de abastecimento para reduzir a quantidade de plástico que acaba no meio ambiente.
Em 2020 será economizado o equivalente a 7,5 milhões de garrafas de plástico


Desde que foi criado, o Grupo Calzedonia tem-se dedicado não apenas à qualidade dos seus produtos, mas também ao meio ambiente, graças aos seus responsáveis processos de fabrico.

A sustentabilidade e o mínimo impacto ambiental sempre foram um pilar na estratégia internacional do Grupo, que inclui o objetivo de eliminar o plástico descartável das suas embalagens B2C até 2025 e das embalagens B2B até 2030.

Como primeiro passo nesse caminho, a Calzedonia está a introduzir embalagens e caixas feitas de materiais reciclados.

A maior parte do papel usado para fazer as etiquetas da marca, embalagens e sacos da marca é certificado pelo FSC (Forest Stewardship Council), uma organização que garante, em conformidade, com rígidos padrões ambientais, sociais e económicos, a gestão florestal. Desde 2018, todas as compras realizadas em loja passaram a ser entregues num shopping bag 100% reciclável, substituindo por completo os equivalentes em plástico.

O Grupo implementou outras soluções para ajudar a proteger o meio ambiente. Passaram a incluir a substituição de PVC por PET em certos tipos de embalagens (a última é mais fácil de reciclar), e a partir de 2020, as remessas de B2B passaram a ser feitas sem plástico nos multipacks de meias.

O compromisso ambiental da Calzedonia reflete-se em alguns números-chave: em 2020, graças à introdução dos novos materiais de embalagem recicláveis, a marca estima economizar um total de 82 toneladas (75.000 kgs) de plástico, o equivalente a 7,5 milhões de garrafas do meio ambiente.

Estas impressionantes conquistas são apenas o início, já que os planos da Calzedonia para adotar outras práticas sustentáveis no futuro, confirmam o objetivo de trabalhar da maneira mais ecológica possível.